Eu sou a estrada :: A perda irreparável de Chris Cornell

E aí, rocker. Tudo certo? Não né… como poderia estar tudo certo?

Hoje é um dia trágico para o Rock N Roll, daqueles que não dá nem vontade de sair da cama. Perdemos uma das vozes mais incríveis e marcantes do grunge. Aos 52 anos de idade, Chris Cornell deixa este mundo.

Estamos em choque por aqui, sem saber muito bem como lidar ainda.

Chris Cornell era um daqueles heróis que esperávamos ver pelos palcos até os 96 anos de idade, empunhando seu violão e despejando as toneladas de emoções no mundo através da sua inconfundível voz foda.

Simplesmente não era pra ser assim.

Quando nos faltam palavras, fazemos o que todo amante de Rock n Roll faz: deixamos que a Música fale por nós.

Hoje é dia de ouvir Chris Cornell sem parar. SEM PARAR. Dia de prestar tributo ao espírito iluminado que ajudou a construir o caráter de uma geração, ao dar voz e significado a sentimentos adolescentes que pareciam não importar ao mundo na década de 90.

Preparamos uma playlist com 20 músicas marcantes dos todos os projetos e fases de Chris: Soundgarden, Audioslave, Temple of the Dog e, é claro, de sua carreira solo.

Despeça-se dessa lenda com a gente, rocker. Vale chorar, vale cantar junto, vale pular e gritar.


Você vai fazer falta por aqui, cara. Seguiremos firmes e fortes, honrando seu legado.

Fique bem.

Fiquemos bem.

 

About Caio Latorre view all posts

Um verdadeiro colecionador de curiosidades. I can't get no satisfaction! Lennon disse: "a genialidade é um tipo de loucura". Sejamos insanos em nome do amor ao Rock n Roll. Prazer, Latorre! "O café tá pronto?"

6 Comments Join the Conversation →

  1. Daniela Carneiro

    Não consegui ainda processar essa noticia, estou meio anestesiada…. Foi um choque

    Reply
  2. Mari Hetfield

    nossa, tá muito difícil passar pelo dia de hoje. muito muito triste 🙁

    Reply
  3. Maisa

    Mais uma vez a vida real bate à porta 🙁
    2016 foi um ano com grandes perdas para a música, foram tantos ídolos…Prince, Leonard Cohen, eterno David Bowie, George Michael, Rick Parfitt…o Lemmy, no finzinho de 2015…
    E então chega 2017, levando Chuck Berry, agora o Chris…e assim, um a um, os ídolos de variadas gerações nos deixam com seu legado majestoso, digno de honra e toda apreciação.
    Fica para, a geração mais recente, a saudade do que não viveu, restando apenas curtir e se inspirar com os trabalhos dessa galera talentosa, que amou seu trabalho e espalhou essa paixão.

    RIP Chris.

    Reply
  4. Tiago Campagnoli

    Como você mesmo disse “não era para ser assim”, uma lenda que vai fazer muita falta não só no mundo dos rockers, mas também para os admiradores da música de qualidade.
    Cara que sua alma esteja em paz – Say Hello 2 Heaven (Diga Olá para Céu).

    Reply
  5. Vanessa

    Procurei muitas vezes camiseta do audioslave por aqui, ou do próprio Chris, agora quero mais ainda 😞 Façam por favor!

    Reply
  6. Luiz Marlon Abreu Batista

    Não a como julga sua morte trágica, não sou nenhum doutor, mas vejo que o que ele queria acabar era somente com a dor que sentia, a solidão a tristeza mesmo tando fora de que cada cercado de pessoas, e sentido só; ele não queria acabar com sua vida , somente com a dor que sentia. Em muitos casos ninguém repara que aquele tristeza já é uma depressão profunda, doença que a cada dia leva tantas pessoas que não reparamos mais , ficamos casa mais ligados às coisas do que as pessoas…. Vaya con Dios Chris .

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *